Couscous de legumes e frango

O cuscuz até há pouco tempo era associado às bolinhas de massa que se colocavam na sopa. Neste caso, o cuscuz é uma sémola que pode ser com grãos finos ou médios e é o acompanhamento, neste prato, do caldo de carne e legumes que o acompanha. Tipicamente, este prato leva frango, borrego e salsichas “merguez”. Mas, quando não tenho nem borrego nem merguezes, faço-o simplesmente com frango e fica delicioso na mesma e mais leve. A merguez é uma salsicha do Magrebe muito popular em França, feita com carneiro e especiarias que é normalmente grelhada para acompanhar o prato. Infelizmente, nem sempre consigo encontrar a merguez nos supermercados, por isso acabo por fazer este prato, na maioria das vezes, sem a merguez. Foi o que aconteceu neste caso, daí a merguez não constar da fotografia. Também dá para fazer só com os legumes e temos assim um prato vegetariano.

Convém cortar os legumes todos mais ao menos do mesmo tamanho. A receita não é difícil, só é preciso acrescentar os legumes no tempo para que os mais tenros não fiquem demasiados cozidos.

Para uma versão um pouco mais leve, vai-se colocando os legumes no caldo a cozer. Se quiser um prato ainda mais saboroso, pode saltear os legumes no azeite antes de os acrescentar ao caldo.

É um prato equilibrado cheio de bons legumes saudáveis típicos do sul da Europa.

Ingredientes (para 4 pessoas):

Para o estufado:

  • Frango (2 coxas inteiras ou consoante os gostos)
  • 250g de pá de borrego
  • 1 cenoura grande
  • 1 nabo
  • 1 curgete
  • 1 cebola grande
  • 2 colheres de sopa de concentrado de tomate
  • 1 lata pequena de grão de bico ou 200g de grão de bico cozido ou por cozer
  • 1/2 pimento vermelho
  • especiarias raz el hanout (caso não tenha, faça uma mistura com as seguintes especiarias: cominhos, gengibre, canela, pimenta, pimenta de cayenne, pimenta da Jamaica e cravinho
  • 1 dente de alho
  • água

Para o cuscuz:

  • 1 copo de cuscuz
  • 3 a 5 colheres de sopa de azeite
  • curcuma q.b.
  • sal fino q.b.
  • 1 copo de água ou caldo de carne
  • amêndoas torradas (opcional)
  • passas (opcional)

Preparação:

1- Prepare o cuscuz. Coloque o cuscuz numa assadeira e tempere-o com curcuma, azeite e sal fino q.b. Misture bem com as mãos para ficar bem distribuído. Leve ao lume a água ou o caldo e quando estiver a ferver, verte-a por cima do cuscuz e misture com um garfo de forma a ficar homogéneo. Alise bem a superfície e cubra com papel aderente. Reserve enquanto faz o resto da receita.

2- Prepare os legumes. Descasque e pique a cebola. Descasque o alho. Descasque o nabo e a cenoura e corte-os em cubos médios de 1 a 2 cm de lado, lave a curgete e corte-a o mais semelhante possível ao nabo e à cenoura. O pimento pode ser cortado às tiras.

3- Numa panela com alguma altura, comece por refogar num pouco de azeite alta as carnes. Quando estiverem douradas, acrescente a cebola picada e continue a refogar. Quando estiver translúcida, acrescente as especiarias e refogue-as também para libertar os aromas. De seguida, acrescente o tomate concentrado e, por fim, a agua até cobrir a carne.

3- Junte as cenouras e o pimento e programe para que tudo coza durante cerca de 40 minutos. Tempere com sal.

4- Quando faltarem 22 minutos para acabar, junte o nabo e quando faltarem 17 minutos junte a curgete.

5- No final da cozedura, acrescente o grão de bico para o aquecer e o alho ralado.

6- Quando o estufado estiver quase pronto, acabe a preparação do cuscuz. Tire o papel aderente e separe os grãos com um garfo. Vá passando com o garfo pelos grãos de cuscuz até ficarem bem soltos. Pode juntar à sémola passas e amêndoas torradas se desejar.

7- Para servir, coloca-se no centro do prato a sémola e à volta ou por cima o refogado de legumes com a carne e a merguez, se houver.

Nota: costuma-se, no momento de servir, misturar ao caldo harissa que é uma pasta condimentada forte, diluindo-a no molho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *